O Natal chegou à baixa!

O Natal chegou à baixa!

Dezembro entrou pelo calendário e é altura de cuidar do Natal.  Mês das festas e dos encontros, é também o momento de adornar ruas e casas enchendo de luz e enfeites aquilo que, na sombra, não ganha a projecção merecida.

A baixa da cidade parece ganhar uma nova vida, assistindo-se, por todo o lado, à presença de ícones natalícios que nos relembram a vivência desta quadra, entusiasmando quem passeia e quem procura comprar os presentes que animarão a consoada.

De noite ou de dia as manifestações natalícias imperam nas ruas. Visível nas múltiplas árvores de natal, pais natais, presépios e diversas animações itinerantes, o Natal sai à rua e procura contagiar as famílias e todos os visitantes. Há um presépio no Largo da Igreja de Santa Maria, um pequeno circo no Largo da Misericórdia, o Mercado de Natal na Praça de Bocage. Este mercado, que decorre todos os dias, entre as 10h e as 19h, na Praça de Bocage, e no qual se podem encontrar inúmeras bancas de madeira vendendo produtos regionais e de artesanato urbano e tradicional, é um dos principais atractivos da zona, apenas perdendo o pódio para a árvore de natal que, este ano, orgulhosamente se mostra na avenida.

É que Setúbal ganhou, este ano, uma árvore de Natal de grandes dimensões destacando-se no passeio central da Avenida Luisa Todi, mesmo no âmago da cidade. As suas 24 mil lâmpadas e os seus quase 23 metros de altura tornam-na a anfitriã de um Natal cheio de luz. Quem a visita pode circular no seu interior onde se encontra patente uma exposição de fotografia que resulta de um concurso chamado “Baixa Setubalense é Vida”.

Mas as iluminações não se ficam por aqui já que muitas fachadas, árvores e monumentos se encontram enfeitados por luzes tímidas que no conjunto oferecem uma auréola de brilho que encanta os miúdos e graúdos. Coreto, estátua do Bocage, Paços do Concelho, Forum Luisa Todi, Biblioteca Municipal são alguns exemplos de edifícios engalanados para receber o Natal e os olhares de todos aqueles que ali se deslocam para sentir o Natal na cidade, junto de outros e do imaginário que guardam desta quadra festiva.

Apesar do frio, vale a pena deixar-se contagiar pelo espírito da época, aquecendo com as castanhas que assam em nuvens de fumo, presenciando a alegria dos mais novos e admirando a baixa na sua roupagem festiva. É verdade que não há exuberância extrema nos enfeites mas o significado encontra-se onde o quisermos colocar e neste ano, com a árvore majestosa feita de luzes pode, sem dúvida, ficar ao alto.

Rua Antão Girão
Largo da Misericórdia
Mercado de Natal na Praça de Bocage visto de dia
Mercado de Natal na Praça de Bocage visto de dia
Largo da Misericórdia
Largo do Poço do Concelho
Banca da Feira de Antiguidade e Velharias
Banca da Feira de Antiguidades e Velharias
Presépio no Largo de Santa Maria
Mercado de Natal na Praça de Bocage visto de noite
Coreto com árvore de natal ao fundo na Avenida Luisa Todi
Praça de Bocage e estátua do poeta
Paços do Concelho
Vista nocturna da árvore de natal da Avenida Luisa Todi
Estátua em homenagem ao actor Mané Bola na Avenida Luisa Todi

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: